• Letícia Kawano-Dourado

Vacinação rápida e ampla para COVID-19: ponto central para o fim da pandemia, mas não o único.




Recentemente o Governo Francês lançou uma campanha publicitária mostrando o impacto da vacina na reabertura da França, que segue seu planejamento, e segue bem-sucedida até agora, 13 de junho de 2021: transmissão comunitária em queda, positividade de testes em queda, internações hospitalares e em UTIs em queda.

Video postado pelo Ministro da Saúde Francês, Olivier Veran, em 09 de Junho no Twitter: campanha publicitária mostrando a vacinação impactando a reabertura da França

Para ver o vídeo acima do Ministro da Saúde Francês, clique aqui.

.

No entanto, para junho de 2021, a comunidade científica já sabe que para o controle rápido e efetivo ("definitivo") da Covid-19, além da vacinação é fundamental a manutenção do uso de máscaras, cuidados em ambientes fechados e ampla testagem.

Todos esses fatores juntos reduzem a transmissão comunitária da Covid-19 enquanto a vacina ganha disseminação, acelerando a queda da Covid-19 para níveis "imunidade de rebanho". Nesse momento a Covid-19 então começa a "desaparecer" em nível populacional sem lockdown.


Um dos pesquisadores que mais fala e com muita propriedade sobre o assunto é o epidemiologista da School of Public Health da Harvard, o Prof, Michael Mina.


Em uma aula para o Departamento de Biologia do Massachusetts Institute of Technology (MIT) em outubro de 2020, Mina explica detalhadamente a importância da testagem ampla com teste correto* em ajudar a vacinação a chegar na imunidade de rebanho.



Aula de epidemiologia em Covid-19 dada pelo Prof Michael Mina para o MIT em Outubro de 2020. Imperdível.

*E qual o teste correto? Para fins de controle da transmissão da Covid, o teste correto é o teste que detecta infecção ativa, ou seja o RT-PCR ou teste do antígeno (feitos por cotonete no nariz e/ou saliva).


Mina explica bem como o teste do antígeno, para Outubro de 2020 (e Junho de 2021) é o melhor teste do ponto de vista populacional: - Detecta aqueles que realmente estão transmitindo (perdendo sensibilidade apenas com cargas virais mais baixas)

- Rápido: resultado em 15 min

- Pode ser feito em casa

- Barato


Acoplando testagem ampla enquanto se vacina é possível controlar a Covid-19 ao se identificar rapidamente transmissores e isolá-los. Ponto fundamental para garantir o sucesso da vacinação e reduzir o risco do surgimento de variantes.

Inclusive, para o futuro, após a imunidade de rebanho ter sido alcançada, uma monitorização ativa e mantida será necessário para evitar escapes da Covid-19 desencadeando novos surtos e arriscando o surgimento de variantes. Nesse sentido a testagem ampla e de fácil acesso é FUNDAMENTAL

A aula do Prof. Mina para o MIT é imperdível e reforço novamente que ela deve ser assistida por aqueles que são da área e interessados no assunto. Sua conta no twitter também é "ciência na veia": recomendo!


Por último a lógica de seguir com algumas medidas comportamentais é bem óbvia: em reduzindo a transmissão comunitária da Covid-19 com uso de máscaras e outras medidas comportamentais, nós aceleramos o fim da Covid-19.




Então até a imunidade de rebanho chegar, máscara, cuidado com ambientes fechados mal ventilados e pressão para a implementação de testagem em massa com teste do antígeno - inclusive já pensando no pós-pandemia.

Cuidem-se e fiquem bem! E vamos em frente!



Declaração de conflitos de interesse: nenhum


As opiniões aqui veiculadas representam minha posição pessoal.

Eu sou Leticia Kawano Dourado, doutora em pneumologia pelo HCFMUSP, médica pneumologista e pesquisadora. Panelista da OMS na elaboração das Diretrizes de Tratamento da Covid19.


Peço desculpas por eventuais erros de ortografia e/ou gramaticais: estou precisando acomodar três línguas de forma rotineira (francês, português, e inglês)


Projeto Respira Evidência por Leticia Kawano Dourado